HQ II – Módulo de Aprofundamento 2024.2

Quintas das 18h até 19:30 – R$215,00/mês

Descrição

O curso apresenta conceitos e exercícios que levam os alunos a pensarem nos limites da linguagem dos quadrinhos. A abordagem é bastante prática, apesar de embasar todas as aulas com uma bibliografia especializada.

O curso tem dois momentos. Os primeiros 12 encontros consistem de pequenas provocações teóricas seguidas da avaliação dos exercícios da aula anterior. A ideia é sempre fazer os alunos buscarem saídas pouco usuais para os problemas narrativos apresentados. Depois disso, começamos a produção do trabalho final onde cada encontro funciona como apresentação e crítica de uma etapa da produção. Nesse segundo momento, aplicamos os conceitos aprendidos na prática, fixando e explorando os limites do formato e do ritmo de trabalho dos alunos.

Ao final do curso, todos terão feito um quadrinho de três páginas do início ao fim, em cores e com capa, da ideia até a página entregue para a diagramação e fechamento de arquivo. Além de conhecer formas menos usuais e mais inventivas de narrar graficamente, os alunos terão que aplicar esses conhecimentos em um contexto de produção real.

Todos os alunos devem seguir o tema apresentado pelo professor no início do semestre. O tema ajuda os alunos a focarem no aprendizado das ferramentas e ajuda na avaliação em relação aos colegas.

 

PÚBLICO ALVO

Pessoas interessadas em fazer quadrinhos e que já tenham experiência ou publicações independentes. Recomenda-se fortemente o Módulo I antes de fazer esse curso. Não é necessário desenhar bem, mas ter alguma noção de desenho ajuda. Indicado para maiores de 16 anos.

 

MATERIAL UTILIZADO

Os alunos vão precisar de papel A4, lápis HB, borracha e duas espessuras de canetas nanquim descartáveis (recomendamos .4 e .8) para os exercícios. Para o trabalho final, os alunos precisam de papel A3 próprio para quadrinhos, além de algum material que permita o trabalho com cinzas como Marcadores ou nanquim e pincel. Marcas e preços de materiais são um dos tópicos de discussão do curso. Também é recomendável (mas não obrigatório) um caderno sem pautas para anotações e estudos. Nesse curso o uso de ferramentas digitais está liberado. Vamos debater sobre elas durante o curso.


PROFESSOR – Rapha Pinheiro

Formado em Arquitetura e Urbanismo pela FAU UFRJ (com graduação sanduíche na University of Lincoln na Inglaterra), pós-Graduado em Quadrinhos pela École Européenne Superieure de l’Image em Angoulême (França) e Mestre em Mídias Criativas pela ECO UFRJ.

É Diretor Executivo de Arte e Cultura da Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima em Campos dos Goytacazes.

É Diretor do Inko – Escola de Mídias Criativas que prepara artistas para os mercados nacional e internacional.

É Editor-Chefe do Universo Guará onde coordena a produção e publicação de diversos artistas e títulos em nível nacional.

É criador do Funktoon, o maior app de leitura de quadrinhos brasileiros do país com mais de 2 milhões de leituras.

É autor de Os Tomos de Tessa (2015), Salto (2017), Silas (2018) e Mesa 44 (2019), Travessia e Ecos (2020-21), Rua (2022), O Mago e a Tempestade (2023) e outros vários projetos menores ou em parceria. Também é o organizador da coleção Inko de trabalhos dos veteranos da escola.

Já ganhou Troféu HQMix (2021-22), Cubo de Ouro (2021-22) e Prêmio do Dia do Super-Herói Brasileiro (2021), além de várias indicações a esses e outros prêmios.

Já teve exposições com seu trabalho na França, no Rio, em Santos, em Manaus e em Campos.

Possui uma presença forte nas redes ensinando e produzindo arte. Publica regularmente conteúdo no YouTubeTwitterTikTok e Instagram.


BIBLIOGRAFIA DO CURSO

ARNHEIM, R. Arte e percepção visual: Uma psicologia da visão criadora. 1a Edição ed. [s.l.] Cengage Learning, 2016.

AUTORES, V. Narrativas Gráficas. 3a edição ed. [s.l.] Fora Do Catalogo, 2016.

CAGNIN, A. L. Os Quadrinhos Linguagem e Semiótica. 1a Edição ed. [s.l.] Criativo, 2015.

EISNER, W.; BOIDE, A.; BORGES, L. C. Quadrinhos e arte sequencial: Princípios e práticas do lendário cartunista. 4a edição ed. [s.l.] WMF Martins Fontes, 2010.

FIELD, S. Roteiro: problemas e soluções. 1a Edição ed. [s.l.] Arte & Letra, 2016.

GORRIDGE, G. Créer une BD pour les Nuls. [s.l.] First, 2011.

GROENSTEEN, T.; ASSIS, É. O Sistema dos Quadrinhos. 1a Edição ed. [s.l.] Marsupial, 2015.

GURNEY, J. Color and Light: A Guide for the Realist Painter: A Guide for the Realist Paintervolume 2. Illustrated edição ed. Kansas City, Mo. : London: Andrews McMeel Publishing, 2010.

KATZENBERG, J.; MATEU-MESTRE, M. Framed Ink: Drawing and Composition for Visual Storytellers. Illustrated edição ed. Culver City, CA: Design Studio Press, 2010.

MARTINBROUGH, S. How to Draw Noir Comics: The Art and Technique of Visual Storytelling. Illustrated edição ed. New York, NY: Watson-Guptill Publications, 2007.

MATTESI, M. Force: Dynamic Life Drawing: 10th Anniversary Edition. 3rd ed. edição ed. Boca Raton: CRC Press, 2017.

MCCLOUD, S. Desvendando os Quadrinhos. 1a Edição ed. São Paulo (SP): M.Books, 2004.

MCKEE, R. Diálogo: a Arte da Ação Verbal na Página, no Palco e na Tela. 1a Edição ed. [s.l.] Arte & Letra, 2018.

MCKEE, R.; MARÉS, C. Story: substância, estrutura, estilo e os princípios da escrita de roteiro. 1a Edição ed. [s.l.] Arte & Letra, 2017.

POSTEMA, B.; ROSA, G. Estrutura narrativa nos quadrinhos: construindo sentido a partir de fragmentos. 1a Edição ed. [s.l.] Editora Peirópolis, 2018.

SNYDER, B. Save the Cat!: The Last Book on Screenwriting You’ll Ever Need. Illustrated Edição ed. Studio City, CA: Michael Wiese Productions, 2005.

VERGUEIRO, W.; SANTOS, R. E. DOS. A Linguagem dos Quadrinhos. Estudos de Estética, Linguística e Semiótica. 1a edição ed. [s.l.] Criativo, 2015.

WEILAND, K. M. Creating Character Arcs: The Masterful Author’s Guide to Uniting Story Structure: 7. Annotated Edição ed. [s.l.] Penforasword, 2016. 


SEMESTRE DE 2024.2

O segundo semestre letivo acontece do final de julho até o início de dezembro. Para mais informações, acesse a agenda do site.

Todos os cursos possuem um total de 22 encontros ao vivo. Os alunos têm acesso às aulas gravadas e aos slides durante toda a duração do semestre, caso queiram revisar o conteúdo.